Informações da página

Você está em: Página Inicial > Notícias

Início do conteúdo

Câmpus Alvorada e Viamão relatam experiências do Mulheres Mil

Câmpus Alvorada participa de debate sobre Mulheres Mil

No dia 30 de outubro, das 19 às 21h30, os representantes de implantação dos Câmpus Alvorada e Viamão, Guilherme Brandt e Jeferson Funchal, participaram do debate "Direito, Cidadania e Democratização", da 3ª Mostra Científica do Câmpus Restinga. O objetivo da atividade foi a troca de experiências e debate sobre o Programa Mulheres Mil que ocorre em cada local. A conversa contou também com a participação do Câmpus Restinga, com o relato da coordenadora de Extensão, Thaís Teixeira e com alunos do curso Técnico em guia de turismo.

No Câmpus Alvorada estão ocorrendo dois cursos do Mulheres Mil, o Cuidador de Idosos e o de Maquiagem Cênica. O primeiro possui 30 participantes, com aulas de segunda a quinta-feira, das 13h30 às 16h30, com carga horária total de 200 horas, no Centro Florestan Fernandes (Rua Vereador Lauro Barcellos, 285, bairro Água Viva), em Alvorada. O segundo, conta com a participação de 30 apenadas da penitenciária feminina Madre Pelletier, em Porto Alegre, com aulas de segunda a sexta-feira, das 19h30 às 22h30, e carga horária total de 160 horas. As aulas, realizadas em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) são ministradas por professores das duas instituições e por outros profissionais ligados às áreas de educação, saúde e beleza.

Em Viamão, o curso de Auxiliar em Confeitaria conta com 100 participantes, divididas em duas turmas com 50 integrantes cada. Uma turma com aulas nas segundas e quartas-feiras e a outra, nas terças e quintas-feiras, no horário das 13h30min às 17h, e carga horária total de 160 horas. As aulas são ministradas na Escola Municipal de Ensino Fundamental Monte Alegre.

Para Brandt, o curso não se limita apenas a uma formação profissional. Ele tem um objetivo de estimular a mulher a retomar a sua escolaridade, a concluir a educação básica, e a buscar posteriormente um curso técnico ou superior. Além de trabalhar noções de cidadania e direitos da mulher.

Segundo Funchal, o Instituto Federal, por meio de parcerias, busca também articular a possibilidade de levar as participantes do curso para o mercado de trabalho.

O Programa Mulheres Mil

O Programa Mulheres Mil tem como objetivo oferecer as bases de uma política social de inclusão e gênero. Mulheres em situação de vulnerabilidade social têm acesso à educação profissional, ao emprego e à renda. Os projetos locais são ordenados de acordo com as necessidades da comunidade e segundo a vocação econômica regional.

Mais informações: mulheresmil.mec.gov.br.

Publicado em 31/10/2013, por Alessandra Nevado.

 

Galeria

Câmpus Viamão participa de debate sobre Mulheres Mil

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul


E-mail: gabinete@ifrs.edu.br | Dúvidas de Acessibilidade:siep@bento.ifrs.edu.br | Ouvidoria