Informações da página

Você está em: Página Inicial > Notícias

Início do conteúdo

Campus Viamão promove a II Semana da Consciência Negra

Campus Viamão promove a II Semana da Consciência Negra

O Núcleo de Ações Afirmativas do Campus Viamão do instituto Federal (IFRS) irá realizar, de 22 a 24 de novembro, a II Semana da Consciência Negra. Durante os 3 dias, os alunos e servidores poderão conferir a exposição de fotos do projeto "AFROntamento", que ficará montada no saguão do 2º andar. Na quarta-feira, às 17h, será exibido o filme "Besouro", dentro do projeto "Cine Diversidade", na sala 212. Para o encerramento foi preparado um painel que irá contar com a participação da presidente da Associação Mocambo, professora Maria Elaine Rodrigues Espíndola, do presidente da ONG Grupo Maricá de Viamão, Jorge Amaro de Souza Borges e da representante do projeto AFROntamento, Cláudia Rodrigues. A atividade irá ocorrer no auditório, com a mediação do aluno do curso técnico em Administração, Marcelo Cabral.

Sobre o Projeto AFROntamento

Segundo o coordenador Marcelo Cabral, o projeto "AFROntamento" surgiu para suprir a lacuna de representatividade de pessoas negras e gaúchas em meios midiáticos nacionais, meios nos quais observa-se uma representação estereotipada das pessoas nascidas no Rio Grande do Sul, onde a hierarquia racial aparece, em demasia, na cor de pele branca. O projeto foi idealizado com o intuito de explorar a beleza e a diversidade de jovens negros de Porto Alegre e região metropolitana através da fotografia, pretendendo tornar visível a tão ignorada população negra do estado e auxiliar o empoderamento estético e político desses jovens.

Sobre o projeto Cine Diversidade

De acordo com o coordenador Mário San Segundo, o projeto de extensão propõe a ampliação de espaços-tempo de escuta e diálogo acerca das temáticas da inclusão. Para isso, são realizadas atividades complementares aos períodos de aula, com a participação da comunidade acadêmica e da comunidade externa, através do uso do cinema como instrumento pedagógico e de entretenimento.

Sinopse do filme Besouro

Bahia, década de 20. No interior os negros continuavam sendo tratados como escravos, apesar da abolição da escravatura ter ocorrido décadas antes. Entre eles está Manoel (Aílton Carmo), que quando criança foi apresentado à capoeira pelo Mestre Alípio (Macalé). O tutor tentou ensiná-lo não apenas os golpes da capoeira, mas também as virtudes da concentração e da justiça. A escolha pelo nome Besouro foi devido à identificação que Manuel teve com o inseto, que segundo suas características não deveria voar. Ao crescer Besouro recebe a função de defender seu povo, combatendo a opressão e o preconceito existentes.

 

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul


E-mail: gabinete@ifrs.edu.br | Dúvidas de Acessibilidade:siep@bento.ifrs.edu.br | Ouvidoria